Prosa Sonora
23 setembro
12 outubro
23 outubro
17 novembro

no
Teatro
SESI

20h
Entrada
Gratuita

A edição 2017 da Prosa Sonora se encerra na próxima sexta-feira (17), no Teatro Sesi. A entrada é gratuita e os portões abrem às 19h30. Assim como nas outras sessões realizadas esse ano, o festival começa com dois shows principais no palco interno do Teatro e termina com uma apresentação na estrutura externa, que conta com lona de circo, bar, e food trucks.

O show de abertura será da banda goiana Terra Cabula, que passeia desde os batuques de terreiro até o rock. Depois, o show principal da noite será da pernambucana Alessandra Leão, devidamente acompanhada do músico Rodrigo Caçapa e da banda paraibana Berra Boi. Para finalizar, os DJs Gerson Deveras, do Distrito Federal e Furmiga Dub, da Paraíba, fecham a noite com uma dobradinha.

Atrações

Terra Cabula (GO): Banda que surgiu a partir de pesquisas sobre as manifestações culturais afro-brasileiras. Resgata os ritmos e sonoridades presentes na relação Brasil-África, fazendo uma releitura contemporânea de elementos do universo folclórico e popular afro-brasileiro como congada, maracatu, afoxé e toques de terreiro. http://www.facebook.com/terracabula

Berra Boi (PB) + Alessandra Leão e Caçapa (PE): A banda Berra Boi é formada pelos músicos Dj ChicoCorrea, Lucas Dan e Cassicobra. O trio instrumental busca sonoridades urbanas e nativas da América Latina, Caribe e da África. Alessandra Leão iniciou a carreira em 1997 com o grupo Comadre Fulozinha. A turnê com o Berra Boi tem marcado os 10 anos do primeiro disco solo da artista, o CD Brinquedo de Tambor, produzido em parceria com Rodrigo Caçapa, e o lançamento de seu mais recente trabalho, a trilogia Língua. Caçapa é compositor, produtor musical, violeiro e guitarrista.  https://www.alessandraleao.com.br/

DJ Gerson Deveras (DF) + Furmiga Dub (PB): Influenciado pela cultura nordestina, o músico DJ e produtor Furmiga Dub une elementos de manifestações populares e ritmos como o coco de roda, ciranda e Toré, ao bass culture, dub, dubstep, ragga além de misturar rabecas e guitarras.  Gerson Deveras é DJ, músico e poeta e volta à Prosa Sonora pela segunda vez. https://soundcloud.com/furmigadub, https://soundcloud.com/gerson-deveras

A Prosa Sonora

Realizada com o apoio institucional do Fundo de Arte e Cultura do Estado de Goiás, a Prosa Sonora é produzida pela Pandarus Música Brasileira. À frente da produtora estão Fernando Santos e Juliana Alves, com décadas de trabalho dedicado à construção e ao fortalecimento da cena musical goiana. “Nós entendemos a cultura popular como arte contemporânea, atual e transformadora. Nesse sentido nosso papel é dar vazão a esses repertórios, reduzindo os preconceitos com a música brasileira”, afirma o produtor Fernando Santos.

Em 2017, a Prosa Sonora chegou à 3ª edição se consolidando no circuito goiano de festivais com programação gratuita focada na diversidade e riqueza da música popular brasileira. A proposta é abrir espaço na agenda de Goiânia para bandas que figuram fora do circuito comercial Brasil afora. Esse ano, a Prosa voltou a surpreender na programação com atrações inéditas e gratuitas.

São 14 artistas se dividindo em quatro apresentações no Teatro Sesi entre os dias 23 de setembro e 17 de novembro. Além do dueto entre Bongar e Liniker, a série musical teve uma boa mistura de ritmos periféricos com a Bahia Bass do Àttøøxxá (BA); o forró de rabeca com Maciel Salú (PE) e a regionalidade forte com o coco das meninas da Cocada Coral (GO). A série teve ainda uma sessão voltada especialmente para o público infantil, no dia 12 de outubro, intitulada Prosinha, com espetáculos mesclando circo e música.


Serviço:
Prosa Sonora

17 de novembro
20h Terra Cabula (GO)
21h Berra Boi (PB) + Alessandra Leão e Caçapa (PE)
22h30 DJ Gerson Deveras (DF) + Furmiga Dub (PB)
Local: Teatro Sesi – Av. João Leite, 1013, Santa Genoveva
Entrada gratuita
Mais informações: http://prosasonora.com.br/